Curta a nossa página
Teresina
+29°C
23/01 12h44 2020 Você está aqui: Home / Geral Imprimir postagem

Em Davos, Paulo Guedes negocia acordos comerciais e tributários

O ministro da Economia, Paulo Guedes, se reuniu nesta quarta-feira (22) com o chanceler do Erário do Reino Unido, Sajid Javid, posto correlato ao de ministro da área econômica, para tratar da tributação ente os dois países.

 

Negociação com representantes de governos faz parte da agenda da equipe econômica durante o Fórum Econômico Mundial, em Davos, que ocorre até sexta (24). 
— Taxa sobre serviços técnicos e preços de transferência são dois últimos obstáculos a serem removidos —disse o brasileiro.

Na terça (21), Guedes também se reuniu com representantes da EFTA, associados de livre comércio que reúne Finlândia, Noruega, Suíça e Liechtenstein, para alinhar pontos do acordo comercial.

— Queremos acordo com Coreia do Sul, Japão e Canadá. Tudo gradual, para dar tempo de conseguirmos juros baixos, desregulamentação, simplificação e redução de impostos. Tudo gradual, para assegurar competitividade da indústria brasileira — disse o ministro.

Também está em discussão a adesão do Brasil ao Government Procurement Agreement (GPA) da Organização Mundial do Comércio (OMC) que, pelos cálculos da equipe econômica, abre mercado de US$ 1,7 trilhão (R$ 7,1 trilhões) para empresas brasileiras e impede a corrupção em compras do governo. 
A adesão ao GPA é considerado passo importante para a ambição do governo Jair Bolsonaro de colocar o Brasil na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

— Temos trabalhado em busca de melhores práticas, mais transparência, combate à corrupção, abertura da Economia — disse Guedes.

Fonte: Zero Hora


Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.